parafraseando Freud

uma bolha de sabão…


…é uma bolha de sabão

Anúncios

11 pensamentos sobre “parafraseando Freud

  1. è isso aí Lulu,que bom que vc está de volta!
    Fraterno abraço!
    E anrtes que eu me esqueça:
    “Felicidade só é felicidade quando é compartilhada”

  2. não sei bem….
    mas fiquei triste de ver a bolinha estourar.
    …dedo mais desengonçado! =o/
    (não sei pq, mas esta bolinha de sabão me lembrou muitas coisas…que não deveriam jamais ser apenas uma bolha de sabão)

    …será que freud explica? ;o)

  3. Lulu,
    desculpe (afinal não te conheço), mas deveriamos defenir beleza.
    não queria niguem estourando “minhas” bolhas de sabão, as suas, são suas.
    concordo que a dinamica da explosão atrai….mas a bolha tava tão bonitinha refletindo luzes! =o/
    (certo, a pratica do despego…a morte para um renascimento…)…mas hey,sei lá…acho triste! pobres bolhinhas…unicas e belas, efemeras na sua existencia, eternas em minhas reminiscencias.

    a proposito, prazer…desculpa alugar seu blog.
    vamos indo, não sei exatamente como dançar em uma tormenta ritimica, mas … vamos indo, procurando achar a beleza dos ciclos sem harmonia.

    hey…a vida é um funk carioca!?!?!? OMG! =o)

  4. eu não tou falando de explosão que atrai e muito menos de práticas do desapego.

    …é intrínseco às bolhas de sabão estourar…sem que vc e nem eu, façamos absolutamente nada !

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s